Feiras gastronômicas… Porque adoramos comer!!!

Feiras gastronômicas… Porque adoramos comer!!!

Com 19 milhões de habitantes, São Paulo não é grande apenas porque é a terceira maior cidade do mundo, mas é extremamente cosmopolita, com uma gastronomia super variada, de diversas partes do Brasil e do mundo, tudo em um só lugar.

A cultura alimentar vibrante de Sampa é reforçada por uma grande comunidade italiana e oriental, e a população japonesa é ainda maior (SP abriga a maior comunidade japonesa fora do Japão). Assim, não é surpresa você vai encontrar grandes pizzarias e restaurantes japoneses por toda parte. Grande parte dos italianos que migrou para o Brasil eram de origem humilde, principalmente de regiões rurais da Itália. São Paulo foi o que mais recebeu imigrantes italianos, que foram trabalhar nas lavouras de café e nas indústrias da capital do estado.

Mas há também uma onda de jovens chefs brasileiros que está trazendo para São Paulo técnicas modernas de pratos tradicionais. Para gastronomia, São Paulo é uma cidade muito interessante. Nós, do Cidade Paralela, já passeamos por muitas feiras gastronômicas típicas em São Paulo, e resolvemos fazer uma listinha de algumas das melhores para você, olha só:

Feira da Liberdade

Uma das feiras mais tradicionais é a da Liberdade, desde 1975. Ela expõe, além de arte e artesanato, barracas que oferecem guiozas, yakissobas, takoyaki, e muitas outras comidinhas típicas da culinária oriental.

Horário de funcionamento: sábados e domingos, das 9 às 17h.

End.: Av. da Liberdade, 365 – Liberdade – Centro – São Paulo.

Feira da República

Na Feira da República, você encontra deliciosos pastéis e pratos da culinária baiana, como acarajé, vatapá e sobremesas saborosas, como bolos, pavês, mousses, espetinhos de morango, tortas, e muitas outras delícias.

Horário de funcionamento: sábados e domingos, das 9 às 17h.

End.: Praça da República – República – Centro – São Paulo.

Feira da Kantuta

No bairro do Pari, a Feira da Kantuta é sinônimo da cultura e da comida boliviana em São Paulo. O próprio nome (Kantuta) é em referência a uma flor da região andina. Nas barracas você encontra quitutes típicos, como as salteñas, e temperos andinos, como produtos industrializados populares no país.

Horário de funcionamento: domingos, das 11 às 19h.

End.: Rua Pedro Vicente, 625 – Pari – zona Leste – São Paulo.
Gostou das dicas? Continue nos acompanhando e fique sabendo de muitas outras coisas legais de São Paulo.

Comente!

Seu e-mail não será publicado.
Campos obrigatórios*